Descubra como validar um produto educacional

A concepção e o desenvolvimento da ideia de um novo negócio ou produto educacional vem rodeada de incertezas e dúvidas, o que faz muito sentido, pois a mortalidade de empresas por falta de planejamento, capacitação e uma gestão deficitária é muito grande. Com isso em mente, não é errado se sentir inseguro, ao contrário, é compreensivo quando o assunto é criar um produto ou abrir um novo negócio.

Um fator relevante, é estudar o mercado para identificar o tamanho do mercado endereçável, o share que você busca alcançar e o potencial de receita.Na verdade, entender as outras empresas no seu mercado de atuação é fundamental para que você encontre adequação do seu produto ao mercado, permitindo detectar oportunidades e ameaças, para o desenvolvimento de estratégias que atendam melhor às necessidades de seus clientes.

Não existe uma garantia de que o seu negócio dará certo ou que seu produto irá vingar, mas por outro lado, pode-se ter certeza de que você está indo pelo caminho certo, através de uma checagem geral da ideia para ter a constatação se o produto é realmente viável, de forma que o seu investimento não seja em vão e a validação dele te ajude a corrigir erros e reduzir riscos que o envolve. Só assim você saberá se o produto está atendendo as necessidades e os requisitos para qual ele foi concebido. 

Através da validação do produto educacional, que determinará se seu produto de fato está resolvendo os problemas dos seus usuários, para que você compreenda tudo e assim, explore soluções e alternativas disponíveis no mercado, considerando todas as opções de seus clientes em potencial para se diferenciar e construir vantagens competitiva de longo prazo.

Mas afinal, o que é um produto educacional?

Um produto educacional é um instrumento de aprendizagem que traz consigo uma proposta, podendo ser um manual de atividades, livros, softwares, sequência didáticas, jogos educativos, etc. O produto educacional é desenvolvido com base em pesquisas, que tem como objetivo contribuir para o aprendizado significativo e práticas profissionais. Em outras palavras, um produto educacional é todo e qualquer recurso de tecnologia que auxilia, implementa e maximiza a produtividade nas instituições de ensino, podendo ser voltado somente para sala de aula, para o docente ou para a administração da instituição.  

No contexto pedagógico, os produtos educacionais podem ser desenvolvidos em diversas versões, como por exemplo: plataformas de aprendizagem, vídeo, um conjunto de vídeo-aulas, em formato de aplicativos computacionais ou para celular, cursos online, materiais de conteúdos interativos, plataformas de simulações e plataformas de quizzes.

Dicas para implementar um produto educacional

Um ponto crucial que você deve sempre ter em mente antes de criar um produto, seja para qual for o seguimento, é que não se pode de maneira alguma correr mais riscos, além dos riscos que você já tem que correr. Como eles já existem, então qual é a chance de você acertar o alvo se você atirar no escuro? E é pensando nisso, que você precisa fazer a validação de seu produto, pois ela vai te ajudar a seguir o caminho correto para que isso não aconteça, evitando possíveis erros e possibilitando mais acertos.

Levando em conta as necessidades do cliente e da aceitação do mercado sobre o produto que você deseja lançar, você verá que eles tendem a ter bem menos riscos. De forma bem prática, a validação do produto reduz as chances de erro quanto aos investimentos, ajudando a manter a saúde financeira de uma empresa. 

Por isso, a validação de produtos é tão relevante para o seu e-commerce, pois ela te ajuda a “acender as luzes” para melhorar o seu disparo. É necessário que você faça uma avaliação de forma eficiente, que é a parte prática do negócio e, para começar, dê uma olhada nessas dicas:

Entrevistas: A entrevista vai te ajudar a entender se o seu produto vai fazer a diferença ou não, sendo uma maneira bem segura e simples de conseguir o parecer dos consumidores e usuários, sendo assim, com os feedbacks, você vai ter todas as informações do que ainda pode ou não melhorar no produto. Além de ser muito útil, tem custo-benefício bem baixo e trazem um ótimo resultado.

Anúncios: Os anúncios são uma forma bem prática e rápida, que te ajudam na validação e na divulgação do seu produto. É acessível ao bolso, principalmente se você utilizar as ferramentas fundamentais que já possuem um tráfego bem grande para qualquer e-commerce, como por exemplo o Google e Facebook. Os anúncios pagos (Google Ads e Facebook Ads) são uma ferramenta que também te ajudam a descobrir qual o potencial de mercado que o seu produto alcança. Lembrando que você deve ficar bem atento no volume de visitantes e nas reações deles com relação ao produto e aos comentários.

Página de reserva e pré-lançamento: Outra bela estratégia, é criar uma página de pré-lançamento, pois com esta ação você consegue medir o interesse dos seus clientes e potenciais clientes. Esta é uma das melhores maneiras de validar o seu produto. É importante que você adicione nos seus anúncios um link para que os visitantes sejam direcionados para sua página.

Como validar um produto educacional?

O processo de validação de produto é, sem dúvida nenhuma, uma etapa importantíssima para alcançar os objetivos determinados, sendo também fundamental para facilitar o caminho em direção ao sucesso. Através dessa estratégia você saberá se está trilhando o caminho certo (ou não) e se o produto é de fato viável no mercado, e assim, conseguirá alcançar os melhores resultados de vendas.

Quanto menos problemas você tiver, menores serão os riscos do seu investimento, então o que não pode acontecer de maneira nenhuma é lançar um produto a partir de palpite ou baseando-se em apostas ou “achismos”. Nesse contexto, é relevante que seja feito um estudo para que sejam coletadas as informações do seu público-alvo, seguida de um mapeamento das demandas, para que a entrega do produto esteja de acordo com aquilo que se deseja.

Então, para a validação de um produto educacional, é necessário seguir algumas etapas:

1 – Entender o problema: Conhecer o problema primeiro é essencial para que depois sejam criadas as soluções. Em suma, faz muito mais sentido criar uma solução para um problema existente do que procurar um problema que se encaixe numa solução já criada. Pois um produto educacional eficiente, é um produto que oferece soluções de verdade, que resolve as dores de cabeça que existem na educação e, para a criação de um produto assim, é preciso seguir um padrão de lógica feito corretamente de como identificar o problema real e como compreendê-lo profundamente, de modo que só depois disso seja feita a busca para uma melhor solução do problema.

 2 – Pesquise o ambiente de negócios: Com a pesquisa do ambiente de negócio, você terá conhecimento de todos os fatores externos que, de alguma forma, poderão ou não impactar no desempenho do seu produto/negócio. Logo, fazer uma pesquisa a fundo de quais são os empecilhos que rodeiam seu produto ou negócio é muito importante, com práticas adotadas por outras companhias que tem semelhança com a sua, para que você não acabe criando algo que já existe e já está disponível para o público.

3 – Produto viável e tecnicamente possível: É de extrema importância que você garanta um produto viável e possível, pois em um processo de inovação, diversos problemas são englobados e o desenvolvimento de uma ideia nova depende muito da viabilidade do negócio e das possibilidades técnicas de sua implementação.

4 – Viabilidade financeira do negócio: É importante que seja muito bem definida a viabilidade financeira do seu negócio, ou seja, tudo que não se limita ao lucro ou às origens de recurso. Isto porque a mesma abrange também a sustentabilidade da proposta de valor no longo prazo, já que a perspectiva técnica da execução envolve a definição dos instrumentos essenciais para sua efetivação. Assim, são definidos os recursos (humanos, tecnológicos, financeiros ou metodológicos) para alcançar os objetivos determinados.

A Future Education e o seu papel quanto Edtech no Brasil

Somos uma escola digital focada em habilidades relacionadas ao futuro da aprendizagem. Alcançamos este objetivo oferecendo certificações e cursos que ajudam as pessoas e as organizações a usarem a aprendizagem para habilitar novas estratégias, capacidades e narrativas de crescimento que sustentem o desenvolvimento de sociedades mais justas, igualitárias e prósperas.

Desde 2016 já aceleramos e desenvolvemos programas de transformação digital da aprendizagem para mais de 45 empresas de educação na América Latina e Europa e nossa cultura reflete os valores e comportamentos que acreditamos estarem alinhados ao nosso propósito: o de transformar a #aprendizagem e a #educação.

Dentre os cursos oferecidos por nós, para a capacitação dos nossos estudantes, contamos com os segmentos de “Produto Educacional” e “Aprendizagem Digital”.  Acesse o site e saiba mais!

Leave a Comment